terça-feira, setembro 22, 2020
Home Destaque Não cometa es...

Não cometa estes erros ao negociar seu imóvel em Uberlândia

Saiba o que NÃO fazer antes de fechar uma negociação!

Quando decidimos comprar um imóvel, vários são os fatores que podem transformar a realização deste sonho num pesadelo. Independentemente de o imóvel ser novo ou usado, ainda existe a possibilidade de erros cometidos na hora da compra, o que pode resultar em graves perdas financeiras. O primeiro erro é não verificar se a pessoa que vende o imóvel é realmente o proprietário. Muitos golpes são feitos dessa maneira. Um filho, cônjuge, companheiro, inimigo e até bandido podem tentar vender a propriedade sem que o verdadeiro dono saiba. Exigir os documentos originais e levar pessoalmente a cópia atual da matrícula do imóvel juntamente com a certidão de cobrança no cartório. O notário cobrará uma pequena taxa. Apenas deposite dinheiro na conta do proprietário real. Ele aparece no registro que precisa ser atualizado. Não confunda o ato com o registro. O que conta é o que consta do registro no cartório.

O segundo erro é não verificar se a propriedade pode realmente ser vendida Existem situações em que o proprietário não consegue vender o imóvel. Se a venda for aprovada, pode ser anulada pelo juiz e você terá que correr atrás da perda. Se o imóvel servir de garantia de alguma dívida, não poderá ser vendido. Mais um motivo para ir ao aplicativo de registro e registro de imóveis em Uberlândia junto com a certidão de oneração da propriedade.

Outro equívoco é não verificar se o proprietário responde à ação ou é alvo de execuções extrajudiciais. A primeira coisa em que uma pessoa mal-intencionada pensa é se livrar de todos os seus bens rapidamente. Isso dificultaria o pagamento das dívidas. Exceto que esse procedimento é totalmente ilegal, se você comprar um imóvel de uma pessoa em tal situação, o tribunal pode cancelar a transação e você perderá dinheiro e, pior, você pode ser acusado de ajudar o proprietário em uma operação criminosa. Este é um caso em que um comprador de um imóvel sabe que está participando do programa, você provavelmente terá problemas com a justiça, pois a venda pode ser considerada ilegal. Várias entidades emitem certificados com base no CPF do proprietário. Você mesmo pode verificar esses certificados na Internet. É necessário verificar se a pessoa possui dívidas na esfera municipal, estadual, federal, fiscal, trabalhista, INSS, bancos, instituições financeiras, entre outros.

Outro erro é não verificar se o corretor é realmente um corretor e se ele está autorizado pelo proprietário a negociar o imóvel. Golpes promovidos por corretores falsos são muito comuns. Todos os anos, milhares de pessoas são flagradas agindo ilegalmente como intermediárias. Qualquer um pode fingir ser um corretor, se você não souber como identificá-lo. Solicite o número do CRECI da pessoa que afirma ser corretora e entre em contato com o Conselho Regional de Corretores de Imóveis do seu estado.

Um descuido também é não analisar se sua esposa ou marido concorda com a venda ou a compra de um imóvel. Infelizmente, no caso de uma separação inevitável, uma das partes decide vender a propriedade sem a outra saber. O mesmo acontece quando o herdeiro tenta vender a propriedade sem que os outros herdeiros saibam. E é horrível porque você vai acabar no meio de uma briga de família. Se a venda for realizada sem o conhecimento da outra parte, a transação poderá ser cancelada. Você não tem imóveis e ainda precisa processar seu dinheiro no tribunal. Tenha cuidado com a pessoa que tem uma procuração para marido, esposa ou herdeiros. Cada papel em branco assinado pode então se tornar um proxy. Converse com o casal pessoalmente para ver se ambos concordam com a venda. Em caso de dúvida, peça a certidão de casamento e verifique se o seu estado civil está atualizado no cadastro do imóvel.

Comprar apartamentos em Uberlândia ou qualquer propriedade incompatível com o padrão de vida é um erro enorme e muito cometido. Não porque a trama cabe no seu bolso, você ficou rico e pode morar em um condomínio de luxo. Ao obter financiamento de longo prazo (35 anos), você estará sacrificando 35 anos da renda de sua família. Você terá que viver a mesma vida de antes, com uma renda até 30% menor, o que significa que você ficará 30% mais pobre. Muitas vezes, uma simples mudança de um bairro mais barato para um bairro mais nobre já afeta o custo de vida. Mais lazer e comodidade significam moradia mais cara e menos dinheiro no bolso no final de cada mês. Antes de mudar de bairro e moradia, avalie o impacto que isso pode ter no custo de vida.

Pensar no presente e esquecer o futuro é um erro que pode prejudicar muito a sua vida. Imagine que você decidiu comprar um flat de 45 metros, financiado em 20 anos. Se você for solteiro, não vai querer se casar por muitos anos? Se você for um casal sem filhos, não vai querer mais espaço nos próximos anos, quando os filhos nascerem? Uma boa propriedade para você hoje pode não ser tão boa alguns anos depois. Nossa vida é feita de ciclos de mudança. Você precisa de um planejamento de vida. Você tem que antecipar suas necessidades futuras. Sua propriedade deve se adequar ao seu plano de vida, não sua vida deve se adequar a ele. Não pense apenas em “me apresentar”. Pense também no “futuro eu”. Respeite seu futuro. Isso evita muito arrependimento.

É um erro grave assinar um contrato sem ler ou entender o que está escrito. Não assine nada sem entender o que consta no papel. É melhor dedicar algum tempo realizando uma pesquisa, estudando, consultando especialistas para evitar problemas do que passar o resto da vida tentando resolver os problemas gerados por uma assinatura regular após o término de um contrato ruim.

Perguntar às pessoas erradas também pode prejudicá-lo. Quando você sai do camarim de uma loja de roupas e se depara com a vendedora, pergunta se ela está bonita? Você realmente acredita na resposta? O papel do sorveteiro é alertá-lo de que comer muitos doces faz mal à saúde? O trabalho do produtor de pipoca é alertar contra o sódio nocivo na comida? É dever do banqueiro alertá-lo de que você só deve gastar o que ganha? Portanto, não espere muito daqueles que lhe vendem imóveis. O principal objetivo deles é fazer com que você compre o que eles vendem. Faremos todos os esforços para garantir que você não tenha objeções. Os vendedores tendem a evitar qualquer coisa que possa ser questionável.

Comprar um imóvel sozinho, sem parentes e amigos, pode ser uma má ideia. A participação de sua família é importante. Os brasileiros geralmente compram 1 ou no máximo 2 propriedades durante sua vida. Por esse motivo, poucas pessoas têm experiência. Muitas vezes nos envolvemos emocionalmente com a propriedade que pretendemos comprar. É como paixão à primeira vista, nosso cérebro nos sabota e tira todas as informações e ideias que podem nos fazer abandonar nossa paixão. Temos a tendência de minimizar a importância dos problemas imobiliários, ao mesmo tempo que prestamos muita atenção a tudo o que nos leva a adquirir um imóvel pelo qual somos apaixonados. Somos burros diante da paixão, todo esforço de vendas e marketing é para o comprometimento emocional do comprador. E quando você compra usando apenas o lado emocional do seu cérebro, você acaba deixando o lado racional para a decisão.Permitir que familiares, amigos e espectadores participem desse processo será importante, pois essas pessoas não estarão envolvidas em emoções fortes e podem detectar problemas sérios no negócio.

De modo geral a dica é não comprar casa em Uberlândia ou qualquer imóvel sem estar totalmente preparado. Do outro lado da mesa de negociações você encontra pessoas que estão perfeitamente preparadas para vender, estar prontas para comprar, buscando informações e ganhando conhecimento, você pode se livrar do tédio e até economizar milhares de reais.

Gostou deste artigo? compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas saibam quais erros não cometer ao negociar um imóvel!

Cristiane Guimarãeshttps://naoperdenao.com.br/
Cristiane Guimarães é Comunicadora Social com habilitação em jornalismo e atua há mais de 20 anos no mercado. Apaixonada pela profissão é colunista social, produtora e assessora de imprensa. O blog é uma junção de tudo que ama e que acha válido de ser compartilhado. Seja bem-vindo a esta página que festeja a sua presença! Entre em Contato: [email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -
  • Android e muito mais

Postagens Populares

Viagens exclusivas ao Pan...

Onçafari receberá parte d...

Alzheimer: quando o esque...

Maior complexo hospitalar...

Setembro verde: mês de al...

O mês de setembro é conhe...

Tok&Stok lança coleç...

Produtos exclusivos ajuda...

Comentários Recentes