quinta-feira, novembro 26, 2020
Home Noticias Vacinar é imp...

Vacinar é importante para que as doenças erradicadas não voltem

“Manter o calendário vacinal atualizado não é uma opção, é uma obrigação”, afirma pediatra

As vacinas induzem o nosso corpo a produzir respostas imunológicas e devem ser tomadas em todas as idades (de acordo com o calendário de vacinas). Não é somente as crianças que precisam seguir um calendário.

O simples ato de se vacinar é muito importante para a prevenção de muitas doenças e vai além da prevenção individual. Com essa atitude, você protege toda a comunidade e ajuda a diminuir os casos de doença naquela região. Dia 17 de Outubro é considerado o Dia Nacional de Vacinação e conversamos sobre a importância das vacinas com a pediatra do Hospital Santa Clara, Dra. Cristiane Ambrósio.

Preciso vacinar mesmo sem ter casos da doença no meu estado?

“Hoje, vivemos em mundo onde muitas pessoas substituem as evidências científicas por aquilo que elas acreditam que seja verdade. E assim, começam a questionar a necessidade das vacinas, já que muitas doenças desapareceram. Entretanto, isso só aconteceu por causa da segurança e eficácia das vacinas. Doenças como o Sarampo, Meningite, Coqueluche e Hepatite, hoje, estão controladas graças ao elevado índice de imunização no Brasil. Se as mães deixarem de levar suas crianças para vacinar é provável que essas doenças voltem a se proliferar em nosso país”, explica a doutora.

Movimento anti-vacinas

Minas Gerais não atingiu alcance mínimo recomendado pelo Programa Nacional de Imunização em nenhuma das vacinas indicadas para crianças de até 1 ano de idade em 2020. O índice de cobertura vacinal recomendado pelo Ministério da Saúde é de 95% e a campanha desse ano ficou abaixo de 70%. Uma parte da população está espalhando a falsa ideia de que se vacinar pode ser prejudicial à saúde. Essas informações são baseadas em fatos não comprovados pela Medicina. “Não acredite em notícias que não venham de uma fonte segura de estudos. A vacinação continua sendo a forma mais eficaz de prevenir as doenças e não se vacinar é deixar as portas abertas para vírus e bactérias entrarem no seu organismo”, afirma a pediatra.

Covid-19

“Com a pandemia do novo coronavírus estamos vivenciando o que é um mundo sem vacinas. A Medicina avançou muito nos últimos cem anos, mas sem dúvida alguma, uma das maiores conquistas e sucesso da Medicina foi o desenvolvimento das vacinas. Vacinar é se proteger e proteger a quem se ama de várias doenças. Manter o calendário vacinal atualizado não é uma opção, é uma obrigação. Não negligencie isso, lembre-se só é contra vacina, quem foi vacinado e teve a chance de sobreviver e chegar até aqui. O coronavírus vem nos mostrar em que mundo queremos viver: com ou sem vacina. Enquanto a vacina do covid-19 não chega, vacine-se contra outras doenças” finaliza Dra. Cristiane Ambrósio.

Cristiane Guimarãeshttps://naoperdenao.com.br/
Cristiane Guimarães é Comunicadora Social com habilitação em jornalismo e atua há mais de 20 anos no mercado. Apaixonada pela profissão é colunista social, produtora e assessora de imprensa. O blog é uma junção de tudo que ama e que acha válido de ser compartilhado. Seja bem-vindo a esta página que festeja a sua presença! Entre em Contato: [email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -
  • Android e muito mais

Postagens Populares

10 motivos para o seu cac...

Muitas pessoas acham que ...

Uberlândia recebe exposiç...

Referência internacional,...

Hopi Hari promove atração...

O evento Dark Christmas: ...

Hospital do Câncer em Ube...

Iniciativa mundial, que a...

Comentários Recentes