domingo, novembro 29, 2020
Home Saúde Novembro azul...

Novembro azul: Receio de realizar exame de toque retal atrapalha diagnóstico precoce do câncer de próstata

Doença possui 90% de chances de cura quando descoberta em estágio inicial e exame é fundamental para o rastreamento

É indispensável ampliar o debate entre os homens sobre a importância de realizar exames e procurar os serviços de saúde visando a prevenção de doenças, e com a campanha ‘Novembro Azul’, uma das principais causas de morte na população masculina fica em evidência: o câncer de próstata. Com a detecção precoce do tumor, as chances de cura são de até 90%, mas por se tratar de uma doença silenciosa, os exames de rastreamento são fundamentais para a descoberta em estágio inicial. Entretanto, culturalmente para os homens, cuidar da sua saúde ainda é um sinal de fragilidade e o tabu é ainda maior com o exame de toque retal, uma das principais avaliações realizadas para o diagnóstico do câncer de próstata.

O tumor da próstata é o mais comum entre a população masculina, quando não considerado o câncer de pele não melanoma, e segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), somente em 2020 devem ser diagnosticados mais de 65 mil novos casos. Em 2018, cerca de 15 mil homens morreram da doença que tem grandes chances de cura com a detecção precoce, mas que devido à uma série de receios inclusive para a realização do exame de toque retal, ainda costuma ser diagnosticada em estágios mais avançados, como explica o oncologista do Hospital do Câncer em Uberlândia, Dr. Glauco Silveira. “A partir dos 40 anos, a próstata tende a aumentar naturalmente, porém é necessário fazer o acompanhamento para identificar se este crescimento é benigno. Através do exame do toque retal é que identificamos se há nódulos, o que pode indicar o desenvolvimento do tumor na glândula. No início, o câncer não costuma apresentar sintomas, por isso realizar o rastreamento com este exame, aliado a outras formas de avaliação, é fundamental. A partir dos 50 anos as chances de ter o câncer de próstata aumentam muito, por isso, recomendamos que a ida ao especialista ocorra anualmente, mas aqueles que tenham histórico familiar da doença, já devem começar a partir dos 45 anos”, ressalta Dr. Glauco que ainda esclarece sobre o exame de toque retal, visando a redução do receio dos homens para realização da avaliação. “O exame de toque é indolor e muito rápido, dura cerca de apenas 7 a 10 segundos, e sua realização é fundamental para a identificação de nódulos. Vale lembrar também que ele é um aliado do PSA, o exame de sangue que mede o nível de uma substância produzida pela próstata – Antígeno Prostático Específico, e que costuma ser mais aceito pelos homens, mas ambos têm finalidades diferentes e irão se complementar para a realização do diagnóstico”, ressalta o médico.

O especialista esclarece ainda sobre os sinais clínicos da doença que, no geral, costumam surgir em uma fase mais avançada, o que reforça a importância da realização dos exames de rastreamento. “Em uma etapa mais avançada do câncer, o crescimento do tumor pode provocar complicações locais e ainda fora da próstata, causando dificuldade para urinar, dor na parte baixa das costas ou nos testículos, sangue na urina ou no esperma, dor ao ejacular.”

Além da idade e a hereditariedade, a obesidade, o tabagismo e uma alimentação rica em gorduras serão fatores de risco para o desenvolvimento do câncer de próstata. Dr. Glauco alerta para as formas de prevenção que devem ser adotadas para evitar o tumor. “As pessoas devem mudar o estilo de vida. Praticar exercícios, ter uma dieta rica em alimentos in natura, não fumar ou ingerir bebidas alcoólicas são hábitos essenciais para evitar o câncer, inclusive o de próstata”, conclui.

Hospital do Câncer promove ações de conscientização e arrecadação para o Novembro Azul

Visando ampliar o debate sobre o câncer de próstata, seus meios de prevenção, tratamento e diagnóstico, o Hospital do Câncer prepara mais um vídeo da série #CuidaréViver, que traz conteúdos educativos para as plataformas online e pode ser conferido no canal do Youtube e mídias sociais do Hospital do Câncer em Uberlândia (Facebook e Instagram @hospcanceruberlandia). A instituição ainda possibilita que empresas levem informações a seus colaboradores neste período, o Hospital prepara mais um vídeo informativo que pode ser solicitado pelas organizações para ser veiculado às suas equipes. Interessados nesta iniciativa podem entrar em contato pelo e-mail [email protected]org.br.

Outra maneira de ter mais esclarecimentos sobre o câncer de próstata, principalmente sobre as formas de prevenção, é acompanhando a live com o pesquisador em saúde coletiva do Núcleo de Prevenção, Pesquisa e Projeto de Câncer (NUPPPEC) do Hospital do Câncer, Felipe Cordero, que acontecerá em 26 de novembro, às 15h, no canal da instituição no Youtube.

Além disso, para ampliar a divulgação da causa, as tradicionais camisetas para o ‘Novembro Azul’ já estão disponíveis. A peça que traz a frase ‘Eu Luto Pela Vida’ na cor que marca a campanha, pode ser adquirida pelos apoiadores que fizerem a doação de R$ 50 e deve ser solicitada através do site doehospitaldocancer.org ou pelo telefone 0800 340 2062.

Bilhete Premiado e Novembro Azul

Outra ação promovida neste período é a campanha ‘Bilhete Premiado’, uma forma de apoiar a instituição, contribuir para equipar e mobiliar o Centro Cirúrgico Oncológico do Hospital do Câncer em Uberlândia e ainda concorrer a prêmios. Depois de concluído, o Centro vai atender a demanda cirúrgica dos pacientes oncológicos da instituição e poderá fornecer até 3.000 cirurgias por ano, inclusive para tratar o tumor na próstata.

Além de apoiar o Hospital para manter seus atendimentos, a compra do bilhete possibilitará ao doador concorrer a dois prêmios: um New HB20 2020, e um apartamento novo no condomínio Studio Home, localizado no bairro Morada da Colina, em Uberlândia. Os bilhetes podem ser adquiridos nos canais de atendimento do Hospital, pontos de vendas parceiros e no site bilhetepremiado.org.

Cristiane Guimarãeshttps://naoperdenao.com.br/
Cristiane Guimarães é Comunicadora Social com habilitação em jornalismo e atua há mais de 20 anos no mercado. Apaixonada pela profissão é colunista social, produtora e assessora de imprensa. O blog é uma junção de tudo que ama e que acha válido de ser compartilhado. Seja bem-vindo a esta página que festeja a sua presença! Entre em Contato: [email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -
  • Android e muito mais

Postagens Populares

Apenas negócios ou ideolo...

Conheça a história de Alf...

SBOC alerta sobre a impor...

As quedas nas taxas de va...

Em tempo de pandemia, com...

A quase 30 dias para o Na...

Creditas lança guias e dá...

Especialista em educação ...

Comentários Recentes